Postagens

Boccati promove 10ª edição de imersão enogastronômica!

Imagem
Seguindo a tradição dos Circuitos Enogastronômicos,a Boccati desenvolve um blend das edições anteriores. Na noite de 05 de outubro, a Boccati realizará a 10ª edição do Circuito Enogastronômico. Serão dez mesas com mais de 70 rótulos de vinhos e espumantes, contemplando as edições anteriores: Itália, Espanha, Brasil, Portugal, América, Argentina, Europa, Brasil (2ªed) e Novo Mundo, além de novidades. “Chegamos à 10ª edição do Circuito Enogastronômico da Boccati e queremos proporcionar um verdadeiro blend de todas as edições anteriores, oportunizando aos participantes a possibilidade de degustar vinhos de diversas regiões do mundo, além de ótima gastronomia e atrações diferenciadas”, afirma o coordenador de comunicação da Boccati, Gene Toscan. Os rótulos serão harmonizados com pratos típicos preparados pela Bramap, Cozinharia da Inês, pães artesanais do Charlie Bakery e produtos RAR. Para sobremesa, doces preparados pela Santto Doces e sorvetes da Sorvelândia. Os pratos serão supervision…

Menu Primavera: Sobremesa

Imagem
PANNA COTTApor Chef Ariel Lettieri - Sweez Café (Conteúdo disponibilizado na Revista Terroir Boccati - Edição Primavera)

A Panna Cotta é uma sobremesa tipica região de Piemonte no Norte da Itália. "Nata cozida" é o significado do nome e para completar a receita, geleia de frutas e frutas frescas. No início do seculo XX foi considerada (PAT) Produto Agroalimentar Tradicional do Piemonte, como muitos outros produtos dessa região. Leve e saborosa, perfeita para a primavera!

Ingredientes: 5 verrines de 100 ml;60g de açúcar refinado;90g de nata;180g de leite;1 fava de baunilha;15g de rum preto;150g de nata7g de gelatina em pó sem sabor;40ml de água para hidratar a gelatina;20ml de água.Modo de preparo: Aqueça a 90ºC o açúcar, o leite, a nata e a fava de baunilha aberta. Tampe e deixe repousar por 15 minutos. Peneire e adicione o rum a 35ºC junto com a manteiga. Misture bem até misturar e logo adicione a nata restante e a gelatina já hidratada (com água fria) e diluída a 55ºC. Misture …

Menu Primavera: Prato Principal

Imagem
SHORTRIB AO MOLHO DE PÊSSEGOS DEFUMADOSpor Chef Gabriel Lourenço - Escola de Gastronomia Sal a Gosto (Conteúdo disponibilizado na Revista Terroir Boccati - Edição Primavera)

O doce da fruta suaviza a intensidade da fumaça da carne, criando um clima de comida ao ar livre sob as árvores do bosque, que vibram com suas flores e frutos suculentos da estação!
Ingredientes: 4 unidades de Shortrib Bovino;Pimenta do reino e sal a gosto;8 pêssegos amarelos maduros;50g de açúcar mascavo;50g de manteiga;2 ramos de alecrim frescos;1colher de chá de páprica defumada;1colher de sopa de vinagre de maçã.Modo de preparo: Em uma churrasqueira, grelhe os pêssegos cortados ao meio, depois retire-os e descasque-os. Bata num processador as polpas e as coloque em uma panela com a manteiga, o açúcar, o alecrim, metade da páprica e o vinagre. Cozinhe até engrossar levemente e corrija o sal. Após, grelhe a carne na churrasqueira e sirva com o molho.
HARMONIZAÇÃOpor Sommelier Jylson Carvalho

Miguel Torres Cordillera de…

Menu Primavera: Entrada

Imagem
PAPPARDELLE À PRIMAVERApor Chef Gabriel Lourenço - Escola de Gastronomia Sal a Gosto (Conteúdo disponibilizado na Revista Terroir Boccati - Edição Primavera)

Receita pensada para sair do tradicional molho bechamel ou molho vermelho. Aqui valorizamos os insumos da estação brincado com notas que variam entre o doce e o salgado com apresentação viva, típica da estação!

Ingredientes: 400g de Pappardelle grano duro;400g de queijo Mascarpone;Azeite de oliva;Queijo parmesão ralado;1 maço de aspargos frescos;100g de avelãs descascadas;50g de manteiga;1 dente de alho.Modo de preparo: Aromatize a manteiga em uma panela com o dente de alho picado ao meio, depois retire-o. Separe as pontas dos aspargos e pique o restante em rodelinhas. Quebre as avelãs grosseiramente e coloque na manteiga junto aos aspargos picados. Corrija o sal. Após alguns minutos colocar o Mascarpone e deixar engrossar levemente. Cozinhe a massa em abundante água fervente e salgada. Por fim, escorra, coloque o molho e sirva polvil…

Menu Primavera: Couvert

Imagem
ALCACHOFRA RECHEADApor Chef Mateus Ferreira - Escola de Gastronomia Sal a Gosto (Conteúdo disponibilizado na Revista Terroir Boccati - Edição Primavera)
Releitura de uma receita de família, tradicionalmente italiana, com ingredientes que casam perfeitamente com a estação. O chef deu seu toque acrescentando a copa, as raspas de limão e o queijo gratinado.

Ingredientes:
4 unidades de alcachofras;500g de farinha de rosca;Raspas de 2 limões sicilianos;100g de copa picada;75g de parmesão ralado;2 dentes de alho picados;Salsa fresca;Pimenta calabresa;Azeite;Caldo de frango;Pimenta do reino e sal a gosto.Modo de fazer:
Misture o alho, a farinha de rosca, a copa, as raspas de limão, a pimenta calabresa, o sal e a pimenta do reino. Em seguida, o azeite até engrumar. Finalize a mistura com a salsa picada. Depois, corte o talo e as pontas da alcachofra, abra no meio e coloque o recheio. Disponha em uma panela e cubra com caldo até 1/4 da altura das alcachofras. Cozinhe por 30 minutos, retire e polvil…

Dona Bita: uma história que inspira ♥

Imagem
por Camile Calza (conteúdo publicado na Revista Terroir Boccati)

Na edição de inverno da Revista Terroir Boccati a coluna MULHERES DO VINHO traz um pouquinho sobre “Dona Bita”. Aqui no Blog da Boccati você confere esta interessante matéria.

Como herdeira da família que fundou a marca de conhaques Dreher, Beatriz Dreher Giovannini acompanhou desde seus primeiros anos de vida o processo de fabricação dos destilados e posteriormente, dos vinhos. Ao ver a família se desfazer da empresa que seu avô construiu, ela adquiriu parte da propriedade onde haviam os vinhedos do seu pai e fundou a vinícola Don Giovanni, em Pinto Bandeira.
“Vivo o vinho desde sempre. Nasci dentro de uma pipa.”
Dona Bita, como é carinhosamente chamada, é uma mulher curiosa, inquieta e inovadora que sabe exatamente onde quer chegar. Tais predicados lhe proporcionaram uma trajetória de sucesso no mundo do vinho. Sua história é inspiração para muitas, pois mostrou a força da mulher em um mercado predominantemente masculino. V…

Vamos saber mais sobre os vinhos da nossa terra?

Imagem
A mais conhecida e explorada região brasileira é a do estado do Rio Grande do Sul. As tradições nasceram ali e muitas das inovações também, favorecidas pela imigração italiana do final do século XIX, que trouxe consigo as uvas europeias e os métodos de produção. Infelizmente, no entanto, o clima e o solo do estado não favoreceram, naquela época, a produção das uvas finas, logo substituídas pelas uvas americanas ou híbridas. Ainda assim, alguns produtores persistiram e resistiram e novas terras foram sendo exploradas, até que lentamente e por uma série de fatores as uvas viníferas começaram a ganhar qualidade e espaço nas plantações.
Atualmente, o Rio Grande do Sul é uma macrorregião que pode ser dividida em quatro regiões: 1- Campos de Cima da Serra, perto da cidade de Vacaria no norte do estado, com altitudes e clima frio mais parecido com Santa Catarina do que com o restante do Rio Grande do Sul. Essa região vem sendo explorada recentemente e seu clima auxilia a produção de uvas que …