Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2018

O vinho verde não é verde. Saiba por quê!

Imagem
Quando se fala em vinho verde, não nos referimos a um vinho de coloração verde. Na verdade, o vinho verde pode ser branco, rosado, tinto e até um espumante. Mas por que esse nome então? A nomenclatura do vinho, está relacionada ao local onde o vinho é produzido, em uma região localizada no noroeste de Portugal – Região Demarcada de Vinhos Verdes – entre as margens do Rio Minho, ao norte, na divisa com terras espanholas, até Rio Douro, no sul do país. A especificidade geográfica da localidade é tão importante que nenhum outro lugar do mundo é capaz de produzir vinhos verdes.
Existe uma outra versão, que diz que o nome Verde é devido ao estilo fresco e leve do vinho, em uma alusão ao seu caráter jovem. E existe, também, uma terceira versão, segundo a qual o elevado teor de acidez desse vinho faz ele parecer ter sido produzido a partir de uvas colhidas antes da hora, ou seja, com uvas verdes.

Características da região onde ele é produzido: Embora seja situada na região de clima mediterrâneo,…

Cabernet Sauvignon: “Rainha das uvas tintas”

Imagem
Os vinhos elaborados com a uva Cabernet Sauvignon são alguns dos mais famosos do mundo. Todo apreciador, mesmo que eventual, provavelmente já experimentou um belo exemplar dessa bebida. A popularidade da Cabernet Sauvignon vem da facilidade do cultivo da uva e da mais alta qualidade dos vinhos produzidos a partir dela. Por esse motivo, ela ganhou o título de “Rainha das uvas tintas”.
Original da região de Bordeaux, na França, a Cabernet Sauvignon é o resultado do cruzamento de duas outras uvas. A primeira, denominada Cabernet Franc, pode ser considerada mais delgada que o Cabernet Sauvignon, normalmente apresenta aromas herbáceos e refrescantes. A segunda, Sauvignon Blanc, gera vinhos refrescantes com aromas minerais, vegetais e toques frutados.
O resultado dessa combinação são frutos pequenos e escuros, com pouca poupa e pele grossa, conferindo a cor escura da bebida. Seu aroma típico lembra amoras, cerejas, ameixas, cassis, menta e eucalipto.
Os vinhos mais jovens têm taninos que sobre…

Você sabia que uvas tintas também produzem vinhos brancos e rosés?

Imagem
Ficou interessado em descobrir mais detalhes sobre o assunto? Então, siga a leitura.
Um grande mito a se desfazer é que vinhos brancos ou rosés não podem ser produzidos com uvas tintas! Mas como essas uvas viram vinho rosé ou branco, e não vinho tinto?
Rosé
Apesar de são existirem uvas de cor rosé, há algumas formas de fazer este tipo de vinho:
Diretamente à prensa As uvas tintas, depois de colhidas, desengaçadas e esmagadas, são prensadas. Para evitar oxidação e sabores herbáceos, a prensagem deve ser suave e rápida. Aqui, o mosto (suco das uvas depois de prensadas) que já contém alguma cor, começa a fermentar (processo idêntico ao do vinho branco). O resultado final é um vinho leve, fresco e de cor rosa pálido.
Sangria  É o subproduto da produção de um vinho tinto, em que existe contato pelicular (mosto com películas) por um período de 6 a 48 horas, dependendo da intensidade de cor desejada pelo produtor. Depois as películas são separadas do líquido (sangria) e a fermentação inicia-se ou c…

18 curiosidades sobre vinhos que você precisa saber!

Imagem
Separamos alguns fatores curiosos sobre o mundo do vinho que (provavelmente) serão novidade para você.
As uvas viníferas ocupam a posição número um entre todas as frutas do mundo, em termos de área cultivada ocupada no planeta.
A cozinha, normalmente, é o pior lugar para se guardar o vinho, por causa da temperatura ambiente.
Teoricamente, mulheres tendem a ser melhores degustadoras de vinho do que homens, já que possuem olfato mais aguçado, principalmente na idade fértil.
Na Grécia Antiga, em ocasiões onde ia se beber vinho, o anfitrião dava o primeiro gole para provar que aquele não estava envenenado.
Mulheres romanas não podiam beber vinho, assassinato era permitido e divórcio também.
Girar a taça ajuda a oxigenar o vinho e a liberar mais aromas.
A taça tem a curvatura que vai fechando mais na boca para poder reter os aromas do vinho.
O vinho tem um efeito maior em mulheres que em homens. Elas têm em menor quantidade uma enzima necessária para metabolizar o álcool no organismo.
O terroir -…

Quanto mais velho o vinho, melhor?

Imagem
Todo mundo, em algum momento já se deparou com este tipo de frase “quanto mais velho o vinho, melhor”, mas a grande questão é saber exatamente o quanto de verdade esta frase guarda. Mais de 90% de todos os vinhos feitos no mundo devem ser consumidos dentro de um ano, e menos de 1% devem ser envelhecidos por mais de cinco anos. A notícia boa é que o 1% representa mais de 350 milhões de garrafas de vinhos para envelhecer. Diversas reações químicas acontecem enquanto o vinho “descansa” na garrafa. Uma delas, diz respeito a polimerização dos taninos que, tornando-se cadeias moleculares maiores, ficam menos agressivos na boca. Inclusive, o tanino ajuda a conservar a bebida por mais tempo. Ele, sem dúvida, é fundamental para a longevidade dos vinhos, em especial os tintos. Por isso, muitos que têm essa substância em abundância, como os vinhos Cabernet Sauvignon e Nebbiolo e podem envelhecer por mais tempo. 
Maturidade  É simplesmente o momento em que o vinho atinge seu auge, estando em seu melh…

Você sabe a diferença entre drink e cocktail?

Imagem
A nomenclatura correta dada à bebida depende de sua composição. O drink é qualquer mistura de dois ou mais ingredientes, sendo que um deles deve ser alcoólico. Já o cocktail é o resultado da mistura de vários drinks. 

O cocktail também deve seguir uma estrutura com três pilares: - Base alcoólica; - Bitter; - Dulçor (torrão de açúcar).
Outra diferença entre drink e cocktail está na forma de preparo: Cocktail: Deve ser mexido direto no copo ou no mixing glass. Drink: Pode ser batido em coqueteleira, mexido com uma colher bailarina para misturar ingredientes, ou montados, quando a bebida é feita diretamente no copo que será servido, acrescentando os ingredientes em ordem.

Agora que você já sabe a diferença, que tal preparar drinks e cocktails para curtir com os seus amigos?

Fácil, rápido de fazer e quase todo mundo gosta: Drink de Morango  - Bata num processador o morango e a vodca. - Num copo longo, coloque o gelo moído e acrescente os morangos batidos com vodca. - Misture bem.  

Aquele cocktail que…